TEXTO
TEXTO
+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

Docente que fez a primeira defesa de tese no Doutorado Cesmac/Mackenzie recebe Diploma

Alessandra Pontes, professora dos cursos de Medicina e Enfermagem, recebeu o título de doutora em Distúrbios do Desenvolvimento

28/09/2022 às 15h51

A docente do Cesmac, Profa. Alessandra Pontes, obteve o diploma de doutorado pelo Programa em Distúrbios do Desenvolvimento. A pesquisadora é a primeira a receber o título do curso, que acontece na modalidade interinstitucional, por meio de convênio com a Universidade Presbiteriana Mackenzie e Centro Universitário Cesmac. O doutorado é destinado aos profissionais com mestrado nas áreas da Saúde, Educação e Psicologia.

A tese da pesquisadora recebeu o título: “Agrupamentos de características clínicas e sociodemográficas em alunos com o transtorno do espectro autista, nos termos do regimento da pós-graduação desta universidade”, sendo defendida em maio deste ano, no formato remoto. A docente participa da plataforma de Empreendedorismo Social com foco no Autismo (ESA), que é um programa de estímulo à projetos de impacto social com foco em gerar transformações positivas para a pessoa com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e toda a comunidade ligada a esta condição. A tese de doutorado teve a orientação do Prof. Dr. Decio Brunone (Mackenzie) e coorientação da Prof.a Dra. Evanisa Brum (Cesmac).

O propósito do programa é impulsionar iniciativas que busquem sanar as principais questões relacionadas ao autismo, além de promover os negócios de pessoas no espectro, construindo assim vivências mais justas e inclusivas com diversidade.

 
Conheça Alessandra Pontes

A primeira doutora do programa é professora dos cursos de Medicina e Enfermagem do Cesmac, mas integra similarmente a Pró-Reitoria Acadêmica Adjunta (PROAD), a Coordenação Estratégica de Cenário de Prática e ainda o Centro de Inovação e Tecnologia do Cesmac.

Alessandra Pontes também é empreendedora, e em 2020 fundou a startup “Mulheres Conectadas” com a sócia Géssyca Santos. A entidade é responsável por ligar os segmentos femininos da academia e do mercado de negócios, criando oportunidades em mentorias, cursos, networking e aceleração para os grupos envolvidos nas atividades de pesquisa e empreendedorismo. Atualmente a estudiosa ainda divide o tempo sendo líder da Comunidade Sururu Valley, avaliando projetos de Inovação pelo Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), além de fornecer palestras, mentorias e atuar nos processos de modelagem de solução da plataforma ESA.